Byzantium: Não é fácil ser uma vampira

Byzantium

Byzantium – Dirigido por Neil Jordan

Sinopse: Na trama escrita por Moira Buffini, uma vampira (Gemma Arterton) transforma a sua filha (Saoirse Ronan). Juntas, levam uma vida letal como chupadoras de sangue, frequentemente fingindo-se irmãs.

linha blog 2

O mais legal desse filme é ver ele sem saber de nada que vai acontecer. Por que a história dele é tão grande que o mais legal é você ir montando o quebra cabeça até que a historia faça sentido e isso só acontece lá pro final do filme. Então você tem que aguentar esse suspense até o final, onde tudo se encaixa de uma maneira tão impressionante que eu fiquei de queixo caído.

Vi muita gente falando que ia ver esse filme só por causa da Saoirse Ronan, mas com todo o respeito pela atuação incrível da Saoirse, quem detona mesmo no filme é a Gemma Arterton que está simplesmente perfeita no papel de uma vampira que faz qualquer coisa para sobreviver, até se tornar meio psicopata de vez em quando.

tumblr_ms3i4og2hg1qj2ep9o1_500

O que me chamou mais a atenção foi a história do filme que é extremamente bem feita, da pra ver que o roteiro do filme teve um grande cuidado. Tem umas coisas bem tensas no filme e umas cenas bem violentas, mas nada de muito assustador. O filme é mais um drama fantasiado de terror, só que com vampiros. O único problema do filme é que ele demorou para chamar minha atenção no começo, mais depois que a história começa a fazer sentido, você fica louco para saber como ela vai terminar.

Gostei bastante dos personagens, a minha preferida foi a personagem da Gemma, mas não tem como não amar a Saoirse e o Caleb Landry o menino que faz o par com ela. Eu achei o romance dos dois tão bonito e real, uma das melhores coisas do filme. Como é mesmo aquela frase? Still abetter love story than twilight.

Outra coisa que merece destaque são os cenários e a fotografia do filme que são lindos e incríveis. Para um filme que não teve muito destaque tudo é muito bem feito e parece ter custado um bom dinheiro.

tumblr_mrt0osfNW71rnzlemo2_r1_500

Conclusão: Byzantium é surpreendentemente muito bom. Mostrando um jeito bem diferente de ser um vampiro, com cenários lindos e uma história perfeita.

4 comentários sobre “Byzantium: Não é fácil ser uma vampira

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s